Domingo, 26 de Setembro de 2004

tradições e velharias

 


1081855770407bcf1acaa3e.jpeg  fachada.jpg


 


Relíquia de S. Donato                                                                                                                             Fachada da Igreja da Ordem 3ª de S.Francisco


 


S. Donato é o protector da gente do mar, principalmente das Caxinas, Poça da Barca, Póvoa de Varzim, Azurara, Vila do Conde e Matosinhos. Muitos são os devotos que ao longo do ano o visitam, cumprindo as suas promessas. A festa costumava ser no segundo domingo de Novembro e que coincidia com o regresso da pesca do bacalhau, nos mares da Groenlândia. Por qualquer razão que desconheço, a festa é comemorada hoje, dia 26.


A relíquia encontra-se na Igreja da Ordem 3ª de S. Francisco ou antigo Convento dos Capuchos, no lugar da Granja, onde segundo a tradição teve princípio a povoação de Azurara. A Relíquia autêntica de S. Donato está numa urna de cristal. Mártir do 3º Século da Igreja, foi oferecida pelo Papa Benedito XIV a Fr. Francisco de Azurara que a trouxe de Roma e colocou na Igreja do convento da sua terra natal, em 1757.


Ah, não me posso esquecer que, dadas as características e particularidades da Relíquia, esta é imprópia a impressionáveis...


 

publicado por siX às 10:42
link do post | comentar | favorito
3 comentários:
De joaquim a 14 de Outubro de 2004 às 14:20

Agradeço a atenção relativa à colocação de uma foto da relíquia com melhor qualidade.


De siX a 28 de Setembro de 2004 às 21:36
Bom, não sei se pretende a história toda... S. Donato é natural o Norte de África, Adramete, nos confins da Tunísia. Os seus pais eram S. Bonifácio e Santa Tecla e teve 13 irmãos, todos eles martirizados pela confissão da fé cristã. S. Donato foi preso por ordem do Imperador Maximiano, juntamente com seu irmão, S. Félixtalvez por serem os mais velhos e que maior destaque deram na propaganda da fé cristã. Enviados para Itália para serem interrogados, atravessaram o mar Mediterrânio e o mar Adriático sob prisão e em martírio, razão pela qual S. Donato é considerado protector da gente do mar. Aportaram nas costas de Apúlia e encarcerados na prisão de Sentino., onde tentaram que renunciassem à fé cristã. Não conseguindo dobrar a firmeza dos dois irmãos, o juiz Valério mandou-os decapitar.... esta é a história. O que se encontra na Igreja é o verdadeiro corpo de S. Donato, que por razões que desconheço, a carne nunca se decompôs... estranho,, não é?... Quanto à cabeça, a que se vê é de roca, uma máscara, e suponho que nada tem no interior. O corpo encontra-se dentro de uma urna de cristal, visto antigamente os fiéis arrancarem partes da roupa e da própia carne para levarem para casa... tenebroso, hem?... Quanto à fotografia, não tenho outra. Tirei esta quando me encontrava na bichaa entre os devotos, e ainda tive que suportar os olhares de reprovação por ter tirado esta... Pronto, é tudo qt sei de S. Donato.


De Joaquim a 28 de Setembro de 2004 às 16:19
Gostaria mais de saber algo mais sobre esta relíquia e se possível fosse mostrasse uma foto mais nítida. Obrigado pelo elogio ao blog. Cheguei aquí atravéz do Blog do Alex.


Comentar post

    O meu ip
    Web Hosting Directory by Blog Flux
    BloGalaxia
       

.

.os latagões

  • s¿X
  • berlim
  • reporter xis
  • .passado

    .adjectivos

    .mixórdias

    . Outubro 2004

    . Setembro 2004

    . Agosto 2004

    . Julho 2004

    . Junho 2004

    . Maio 2004

    . Abril 2004

    . Março 2004

    .lataria e afins

    . mudanças são sempre aborr...

    . la lute...

    . cais

    . x-libris vileiro - Socorr...

    . polis VC-QD

    . x-libris vileiro - Grande...

    . luto...

    . x-libris vileiro - Cine N...

    . vira livre

    . nós de metro... e o Porto...

    .subscrever feeds